Ainda a CRP

Sobre o que aqui disse, vêm a propósito as declarações de Paulo Portas. A Constituição é para cumprir, por muito má que seja.

 

This entry was posted in Constituição, Portugal and tagged . Bookmark the permalink.