in memoriam

Morreu hoje Günther Schabowski, o alto-funcionário e membro do Politburo do partido comunista da RDA que entrou para a história por se ter enganado numa conferência de imprensa. Por não saber quando entrariam em vigor as novas regras de viagem para os cidadão da RDA – leia-se puderem viajar – respondeu “já, imediatamente”. A torrente de pessoas que se dirigiu aos postos fronteiriços onde estavam guardas que de nada sabiam, não pararia mais.

Sem querer – sem querer, mesmo – Schabowski abriu o muro de Berlim. O regime comunista não aguentaria um ano.

This entry was posted in História and tagged , , , , . Bookmark the permalink.